Troféu do Interior
Mogi Mirim vence Bragantino e festeja título em casa
Publicado em 12 de maio de 2012 às 20h27
Pedro Moutropoulos
Em Mogi Mirim
Especial para o site da FPF


Neste sábado, o Mogi Mirim recebeu o Bragantino nos gramados do estádio Romildo Vitor G. Rocha, pela partida de volta da fase final do Troféu do Interior. Tendo vencido o primeiro confronto por 4 a 2 em Bragança Paulista, os mandantes carregavam a vantagem do empate e poderiam perder por até um gol de diferença que ainda ficariam com o título. No entanto, a equipe comandada por Guto Ferreira mostrou-se novamente superior e repetiu o placar da partida de ida: 4 a 2 para os donos da casa.

Mesmo precisando apenas do empate para levar o título, o Mogi Mirim começou o jogo pressionando a equipe do Bragantino. Logo aos sete minutos, Piauí recebeu a bola de Roni e bateu firme, mas a bola passou por cima do gol de Rafael.

Melhor em campo, o time mandante teve a oportunidade de chegar ao gol em diversos escanteios, mas não soube aproveitar as chances com a bola parada. Aos 12 minutos, Fernandinho cobrou falta para a área do Bragantino, mas André Astorga botou para a linha de fundo. Logo em seguida, aos 16, após boa jogada individual de Edson ratinho, Piauí chutou forte, mas a zaga do Bragantino tirou novamente para escanteio.

Mostrando mais tranquilidade, o Mogi Mirim aproveitou a ansiedade do adversário para marcar seu primeiro gol ainda aos 20 minutos. Roni fez boa jogada pelo lado direito do campo, tocou rasteiro para Fernandinho na área e o meia bateu no canto esquerdo do goleiro Rafael, abrindo o placar no estádio Romildo Vitor G. Rocha.

Três minutos depois, o Mogi Mirim chegou de novo pelo lado direito, dessa vez com Edson Ratinho, que encontrou novamente Fernandinho pelo meio. O meia tentou avançar para o gol e, na confusão, o zagueiro Luciano Castán tentou tirar e fez contra: 2 a 0 para o Mogi Mirim.

Precisando tirar a vantagem, o Bragantino foi para cima, mas, nervoso em campo, parava sempre na zaga bem posicionada do Mogi Mirim, sem levar grande perigo para o gol dos anfitriões. Aos 25, Romarinho tentou dar o troco e arriscou da intermediária, mas a bola passou longe, por cima do gol de Anderson.

No entanto, mesmo com boa vantagem no placar, o Mogi Mirim não diminuiu o ritmo. Aos 33, Fernandinho fez nova boa jogada avançando pelo lado esquerdo e ficou cara a cara com Rafael, mas finalizou por cima do gol.

Aos 40, Renê Júnior recebeu a bola na área e, ao fazer o giro, foi derrubado pelo volante Éder: pênalti para o Mogi Mirim. Edson Ratinho cobrou bem, no canto direito de Rafael, e anotou o terceiro gol da equipe da casa.

O Bragantino só conseguiu respondeu no final da primeira etapa. Aos 46 minutos, Romarinho chutou para o gol e Anderson defendeu, mas a bola sobrou para Giancarlo, que empurrou para as redes: 3 a 1.

No segundo tempo, o time de Bragança Paulista tentou botar começar pressionando, mas, logo aos sete minutos, Hernane fez boa jogada individual na pequena área e chutou cruzado, marcando o quarto gol do Mogi Mirim.
O Bragantino tentou responder aos 13 minutos, com o atacante Lincom, que cruzou a bola na área de Anderson, mas não encontrou ninguém. O mesmo Lincom tentou novamente aos 17, avançado pelo lado esquerdo da área, mas parou na intervenção do zagueiro Lucas Fonseca. Logo em seguida, aos 19, foi a vez de Patrick levar perigo. Após cobrança de escanteio, o atacante se viu cara a cara com Anderson, mas finalizou por cima do gol.

Explorando os contra-ataques, o Mogi Mirim quase chegou ao quinto gol aos 25 minutos. Hernane avançou para a área,foi parado pelo goleiro Rafael e a bola sobrou para Edson Ratinho, mas o lateral não acertou o alvo. Aos 29, o Bragantino tentou novamente com Lincom, que arriscou de longe, mas a bola passou do lado direito do gol do Mogi Mirim.

Já no final da partida, aos 44 minutos, o ala-esquerda Léo Jaime aproveitou a sobra de um escanteio, dominou a bola no peito e bateu de longe para marcar um golaço, o segundo do Bragantino no jogo. No entanto, logo em seguida, aos 45 minutos, o árbitro José Claudio Rocha Filho soprou o apito final, para a festa da torcida da casa: 4 a 2 para o Mogi Mirim, campeão do Troféu do Interior do Paulistão Chevrolet 2012.

Ficha Técnica

Mogi Mirim: Anderson; Edson Ratinho, Luiz Felipe, Lucas Fonseca e Piauí; Val, Baraka, Renê Júnior e Fernandinho (Dudu); Roni (Vitinho) e Hernane (Humberto). Técnico: Guto Ferreira.

Bragantino: Rafael; Castán, Serginho e André Astorga; Victor Ferraz (Paulo Roberto), Éder, Reinaldo (Lincom), Fernando Gabriel e Léo Jaime; Giancarlo (Patrick) e Romarinho. Técnico: Marcelo Veiga.

Árbitro: Jose Claudio Rocha Filho;
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Gustavo Rodrigues de Oliveira;
Assistentes adicionais: Leandro Bizzio Marinho e Vinicius Furlan;
Quarto árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral;
Local: estádio Romildo Vitor G. Rocha, em Mogi Mirim;
Data: dia 12 (sábado), às 18h30;
Gols: Mogi Mirim: Fernandinho, Luciano Castán (contra), Edson Ratinho e Hernane; Bragantino: Giancarlo e Léo Jaime;
CA: Roni (MOG); Serginho (BRA)
Público total: 3.609 pessoas;
Renda: R$ 36.350,00. 
© 2014 Federação Paulista de Futebol - Todos os direitos reservados. FALE CONOSCO    |    EXPEDIENTE