Santos Futebol Clube
Brasileirão 2012
Pensando em torneios paralelos, Bahia e Santos jogam com reservas
Publicado em 20 de maio de 2012 às 07h33

No domingo, no estádio do Pituaçu, na Bahia, às 18h30 o Bahia recebe o Santos pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. As equipes, no entanto, devem colocar em campo times reservas pois estão disputando competições paralelas. O Bahia precisa reverter a derrota para o Grêmio pelas quartas de final da Copa do Brasil. O mesmo vale para a equipe santista que perdeu para o Velez (ARG) pela Taça Libertadores da América.

Muricy Ramalho, técnico do Santos, deve poupar o time titular para o confronto diante do Velez (ARG), pois precisa vencer por dois gols de diferença já que na Argentina perdeu por 1 a 0. O comandante deve ter as estreias dos meias Bernardo e Gerson Magrão.

Com tantos jogos pelo Paulistão Chevrolet 2012 e pela Taça Libertadores da América Muricy entende que é hora de dar descanso ao time. “Se a gente está com problema, é hora de parar o time. Tem de ter calma, é só o primeiro jogo do Brasileiro e estamos na Libertadores que é a prioridade”, disse o treinador.

O técnico Falcão, do Bahia, também deve escalar outra equipe visando o confronto contra o Grêmio na próxima quinta-feira, valendo uma vaga na semifinal da Copa do Brasil. Além disso, o treinador perde o seu artilheiro Souza por 40 dias devido um estiramento na coxa e só deve voltar ao time na sétima rodada.

O comandante falou das dificuldades que enfrentará contra o Santos. “Tivemos o Grêmio, vamos ter o Santos domingo, que mesmo que não venha com titulares, virá com ótimos jogadores. A gente tem que ter acima de tudo a objetividade de entender que serão jogos complicados, difíceis”, disse Falcão.

Ficha técnica

Bahia (BA): Marcelo Lomba; Fabinho, Rafael Donato, Titi e Gutierrez; Fahel, Helder, Gabriel e Diones; Lullinha e Junior.
Técnico: Paulo Roberto Falcão.

Santos: Aranha; Maranhão, Bruno Rodrigo, Vinicius Simon, Léo; Anderson Carvalho, Gerson Magrão, Bernardo e Felipe Anderson; Borges e Renteria.
Técnico: Muricy Ramalho.

Árbitro: Evandro Rogério Roman (PR);
Assistentes: Bruno Boschilla (PR) e Jose Carlos Dias Passos (PR);
Quarto árbitro: Manoel Nunes Lopo Garrido (BA)
Assistentes adicionais: Rogério Lima da Rocha (SE) e Claudionor dos Santos Junior (SE);
Local: Estádio do Pituaçu, Bahia (BA);
Data e horário: Dia 20 (domingo), às 18h30.

Ficha Técnica
Presidente
Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro
Endereço
Rua Princesa Isabel, 77 CEP 11075-501 - Santos -
Telefone: 13 3257-4000

Web Site Oficial
www.santosfc.com.br


Fundação
14/04/1912
Estádio Mandante
Vila Belmiro
Estádio Urbano Caldeira
Santos
Mascote

Pode parecer contradição, mas a escolha da Baleia, um mamífero, para representar um clube que tem o apelido de peixe faz sentido. Primeiro, porque a Baleia representa o maior animal marinho e, depois, porque a Orca é uma espécie que pode ser encontrada no litoral santista durante seu fluxo migratório. Além das cores branca e preta do animal, o que realmente identifica a Baleia como símbolo do Santos é a força similar de sua torcida.

Recentemente, a mascote foi reestilizada, ganhou um nome – Baleião – e  companhia, o Baleinha. Quando do apelido de peixeiros recebido em 1933, no primeiro ano de profissionalismo do nosso futebol, por torcedores de São Paulo, não é demérito, mas honra para os moradores da cidade praiana.

© 2014 Federação Paulista de Futebol - Todos os direitos reservados. FALE CONOSCO    |    EXPEDIENTE