Clube Atlético Linense
TJD
Finalistas da A2 e da A3 são julgados, mas liberados para decisões
Publicado em 07 de maio de 2012 às 18h54

Em julgamento realizado nesta segunda-feira no TJD (Tribunal de Justiça Desportiva), os dois times que disputam a final do Paulistão Chevrolet 2012 foram punidos no artigo 206 (Dar causa ao atraso do início da realização de partida, prova ou equivalente ou deixar de apresentar a sua equipe em campo até a hora marcada para o início ou reinício da partida, prova ou equivalente). Enquanto o Guarani terá que pagar multa de R$ 1.000, o Santos vai precisar gastar ainda mais e pagar R$ 16.000, já que tinha dois processos acumulados.

Na Série A2, tanto União Barbarense como São Bernardo tiveram julgados, mas não vão ter desfalques para a segunda partida da final do Campeonato Paulista da Série A2. No São Bernardo, o técnico Luciano Dias foi absolvido no artigo 258 (Assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste Código). Já o União Barbarense, teve o processo dos jogadores Thyego Manuel Salvino Cruz e Renato Antônio Justi adiados. Em contrapartida, os atletas Rafael M. Alves da Silva e Caihame Esis Steines Jorge foram punidos com um jogo cada. O primeiro foi enquadrado no artigo 254 (Praticar jogada violenta) e o segundo no artigo 258 (Assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste Código).

O Grêmio Osasco, que disputa a final do Campeonato Paulista da Série A3, teve o atleta Allan Vieira Reis julgado artigo 258 (Assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste Código) e punido com somente um jogo de suspensão.

Ainda na Série A3, o jogador do Juventus, Douglas Tosca Santana, foi enquadrado no artigo 258 (Assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste Código) e 243-F (Ofender alguém em sua honra, por fato relacionado diretamente ao desporto) e punido com três partidas de suspensão.

Já o Olé Brasil, que desistiu da disputa do Campeonato Paulista da Segunda Divisão, foi julgado no artigo 204 (Abandonar a disputa de campeonato, torneio ou equivalente, da respectiva modalidade, após o seu início) e punido com multa de R$ 600. Além disso, a equipe está proibida de disputar a próxima edição da competição.

Confira a íntegra dos julgamentos na ata disponível no ícone do TJD (Tribunal de Justiça Desportiva).

Ficha Técnica
Presidente
José Hugo Gentil Moreira
Endereço
Rua Leopoldina, 188 CEP 16400-528 - Lins -
Telefone: (14) 3532-4467 - Fax: 3523-8936

Web Site Oficial
www.calinense.com.br


Fundação
11/02/1930
Estádio Mandante
Gilbertão
E.M. Gilberto Siqueira Lopes
Lins
Mascote

Ele pode caminhar devagar, mas por onde passa é temido pelo seu tamanho. O Linense tem uma das mascotes mais curiosas de toda a fauna que habita as divisões de acesso do futebol paulista: o Elefante da Noroeste.

Em 1952, o Linense conseguiu o título mais importante de sua história: campeão da Segunda Divisão do Campeonato Paulista. Nunca o seu torcedor comemorou tanto um título. A festa foi tão grande que os jogadores chegaram a desfilar em cima de elefantes que se apresentavam em um circo da cidade. Foram apenas cinco anos na Primeira Divisão. No ano 2000, para demonstrar todo o carinho por sua mascote, o Linense promoveu um desfile de elefantes na pista de atletismo de seu estádio.

© 2014 Federação Paulista de Futebol - Todos os direitos reservados. FALE CONOSCO    |    EXPEDIENTE